CATEDRAL DE SANTO ÂNGELO RS.

CATEDRAL DE SANTO ÂNGELO RS.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

A dança do festeiro falido.


E VOCÊ CONCORDA?



NÃO É CÉU: A dança do festeiro falido

Eduardo Matzembacher Frizzo, leitor-repórter*
Desde que me conheço por gente, ouço que Santo Ângelo tem a noite mais agitada da região. Pessoal quer se divertir, jogar conversa fora e tomar gelada entre amigos. Isso é bom porque faz o solteiro ficar menos solteiro e o casado esquecer que é casado ao menos até escovar os dentes. É bom porque faz a vida girar, os carros baterem, brigas estourarem e todo mundo ficar feliz, tanto os donos das boates quanto os donos das bocas de fumo. De fora tudo parece uma festa. Todos felizes largando oncinhas ao deus-dará das madrugadas. As lancherias sempre lotadas, os pais sempre preocupados e as virgens deixando de ser virgens cada vez mais cedo. Algo perfeitamente normal, não fosse uma realidade estranha: como pode uma cidade que há tanto tempo está sedimentada na estagnação econômica ter essa imagem? De onde os cidadãos tiram dinheiro pra gastar na tal da “vida noturna santo-angelense”? Talvez seja por isso que certa vez um amigo do norte me falou que todo santo-angelense é um festeiro falido.

Mas o que ocorre em Santo Ângelo não é diferente do que ocorre no mundo todo. As pessoas, quanto mais no buraco estão, mais tendem a não reconhecer que estão no buraco. Quando reconhecem, ou fazem festa ou se matam – dificilmente alguém irá conseguir ou mesmo querer sair do buraco. Mas nós temos nossas peculiaridades. Por exemplo: a maior parte do dinheiro que existe por aqui (aquele dinheiro que possibilita poder de compra e mesmo perspectivas empreendedoras) está nas mãos de profissionais liberais. O restante, com os funcionários públicos. E o que sobra, com alguns poucos empresários. Esses empresários, geralmente são o que são porque deram um golpe de mestre em algum momento de suas vidas. Não é à toa que Santo Ângelo tem a fama da “cidade latinha”: lá tinha tal coisa, lá tinha isso, lá tinha aquilo.

Somos uma cidade na qual as empresas raramente conseguem se desenvolver. Talvez isso se explique pelo fato de que a maioria dessas empresas é de pequeno porte e trabalha com a venda de produtos e a prestação de serviços, praticamente nunca com produção. Temos a Fundimisa, alguns dirão. Mas é a exceção da exceção. No mais, temos é um apanhado de lojas aqui e ali, uma guerreando contra a outra pra conseguir sobreviver. As que têm maior sucesso, sustentam suas contas do dinheiro dos profissionais liberais e dos funcionários públicos seguidos por aqueles poucos empresários. O restante tem suas portas abertas pelas compras à prestação do resto do povo – e essas empresas não têm sua sede em Santo Ângelo. Se isso diz de uma realidade aparentemente corriqueira, propicia um pensar interessante: a concentração de renda é um dos principais fatores geradores da estagnação econômica.

Afirmo isso sem nenhum rancor ou pesar. Afirmo apenas a título de diagnóstico descompromissado. Se temos um número restrito de profissionais liberais, funcionários públicos e empresários que detém a maior parte do capital que existe nas Missões, o que sobra para os outros? De certo abrir uma lojinha pra vender roupas compradas em São Paulo com uma margem de lucro perto de 200%. De certo se lascar estudando pra tentar sair da cidade ou apenas se contentar com uma vida mediana feita de pensamentos medianos, sentimentos medianos e contas bancárias medianas. De certo sobra – e é aqui que quero chegar – sair pra rua de festa em festa, já que pra quem está no inferno, abraçar o Diabo é questão de sobrevivência.

Penso que o fato de Santo Ângelo ter a noite mais agitada da região, seja uma conseqüência da nossa falta de perspectivas para o futuro. Em um local onde profissionais liberais e funcionários públicos, seguidos por poucos empresários (sem contar aquelas famílias que são proprietárias de grande parte dos imóveis comerciais e mesmo residenciais da cidade há décadas, pautando o setor imobiliário com aluguéis estratosféricos e completamente injustos), detém a maior parte do capital que gira no município, a estagnação econômica é conseqüência. Uma cidade assim não dará margem para a invenção seguida do empreendedorismo – ou seja: para a produção e não para o varejo. Vivemos em uma cidade que não vai e não irá pra frente enquanto não perceber onde se encontra. A questão toda está em saber que nos encontramos em tal lugar – nesse caso, no buraco. Feito isso, temos de não apenas conseguir, mas querer sair desse lugar. Do contrário, permaneceremos como a noite mais agitada da região e só isso por muito e muito tempo. Para o bem e para o mal, ficaremos na eterna dança do festeiro falido – e na sua próxima visita, meu amigo do norte terá a certeza de que sua afirmação estava correta.
* Eduardo Matzembacher Frizzo é estudante, professor universitário, advogado e Mestre em Desenvolvimento pela UNIJUÍ

segunda-feira, 25 de julho de 2011

MOTORISTAS ABENÇOADOS DENTRO DOS BURACOS.


     Aqui em Santo Ângelo RS não e diferente do resto do Brasil, no ultimo sábado 23/07 ocorreu um desfile pelas ruas da cidade alusivo ao dia do colono e motorista duas classes sofridas que historicamente reivindicam melhorias para as suas categorias e poucos são atendidos, durante o desfile o padre posicionado na esquina democrática (AV. Brasil / Rua Marques do Herval) palco de grandes manifestações populares em nossa cidade abençoou veículos e motoristas que realmente só podem contar com a ajuda de Deus para enfrentar os perigos das estradas esburacadas de nossa cidade do país.


 Fotos dia 23/07/2011 17 e 30 h.

sábado, 23 de julho de 2011

A ONDE ESTA O TRATOR????

     
       Um caso misterioso de furto de um trator Massey Fergusson pertencente à prefeitura de Santo Ângelo RS, ocorrido na noite do dia 23 de julho de 2010 no distrito de Buriti, completa hoje o seu primeiro aniversario e ainda não foi resolvido pelas autoridades policiais, o curioso é que esse foi o segundo trator furtado da prefeitura durante as administrações do partido democrático trabalhista (PDT) e com certeza cairá no esquecimento ficando o dito pelo não dito e o prejuízo como sempre será do povo.
        Os administradores do nosso município deveriam no mínimo arcar com o prejuízo financeiro porque não cumpriram com um principio básico da administração pública que é zelar pelo patrimônio público.
Que vergonha!
 Foto meramente ilustrativa.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

OBRA ABANDONADA.


Obra abandonada pelo poder público municipal.

Essa obra de calçamento na Rua Maria Moretti do bairro Haller em Santo Ângelo RS esta suspensa segundo moradores do local a mais de 150 dias, a terra foi depositada para a construção do calçamento no mês de fevereiro e até agora nada foi realizado, sempre que ocorre chuva o trafego no local fica insuportável, com muita lama dificultando o aceso dos moradores a suas residências.



 Fotos: 13/07/2011

terça-feira, 12 de julho de 2011

IINCENTIVO SÓ PRA RICO

Boa tarde Elizeu, acesso seu blog O Clarim das Missões frequentemente, e quero parabenizá-lo por fazer a sua parte e não se calar diante de tanto descaso e abuso, por isso resolvi colaborar, se vc permitir é claro, vc me conhece, outro dia até te liguei no nº disponível no blog mas vc não m atendeu.
estou te enviando uns videos e umas fotos que fiz hj az tarde as 13 hs, veja só sábado a tarde 15 hs cerca de 10 máquinas e funcionários da Prefeitura trabalhando instensamente em uma área particular de um empresário muito rico de Santo Ângelo.
Sei que legalmente é permitido pela lei de incentivos fiscais dar a terraplanagem a empresas que queiram se instalar no município, porém:
Fica a perguntar
É moral, pagar horas extras a funcionários e colocar tantas máquinas neste serviço, enquanto que pequenas empresas sequer são lembradas pela atual administração e mais, e os colonos que sofrem tantos com a precariedade das estradas, e ouvem varias desculpas esfarrapadas, a patrola quebrou, estamos sem combustível.......
è uma verdadeira vergonha e absurdo.
Fico a disposição para qualquer dúvida
Rosemeri


Recebi esse e-mail e passei no local no domingo a tarde estavam trabalhando com garoa e com todas as maquinas da sec de obras e sec dos transportes.
Eu ouvi na propaganda da prefeitura vinculada na imprensa que o proprietário da área vai investir mais de 20 milhões de reais no local. Será que ele não tem uns trocos pra mandar uma empresa privada fazer a terra planagem?
video

 Imagens: Rosemeri  09/07/2011

sexta-feira, 8 de julho de 2011

LIXÃO EM VIA PUBLICA

É uma vergonha pra Santo Ângelo RS e uma falta de respeito com os transeuntes que passam na AV. Alfredo Leopoldo Fett no bairro Geller que alem dos buracos são obrigados a conviver com esse lixão a céu aberto em plena via publica isso a menos de 600 metros do centro histórico e da prefeitura da capital das missões.

A onde esta o poder publico????????

quarta-feira, 6 de julho de 2011

LIXO NO BAIRRO INDUBRAS

Tem muito lixo depositado nas ruas do bairro Garibaldi Carrera Machado (Indubras) e a prefeitura de Santo Ângelo RS continua ignorando esse problema ambiental e de saúde publica.

Fotos: 05/07/2011  15 horas

terça-feira, 5 de julho de 2011

AVENIDA ABANDONADA


Avenida abandonada.
Esse lixo esta depositado a mais de 40 dias no canteiro central da AV. Salgado Filho em frente do nº 185, e a prefeitura de santo Ângelo RS não faz o recolhimento, se omite e comprova a sua real incapacidade de cumprir com a legislação vigente no município.
“QUE VERGONHA”


Fotos: 05/07/2011 as 16 horas.

sexta-feira, 1 de julho de 2011

DEMAGOGIA

 
       No início dessa semana a gloriosa prefeitura municipal de Santo Ângelo realizou mais uma edição do programa PREFEITURA NOS BAIRROS dessa vez a palhaçada foi no bairro COHAB e Neri Cavalheiro, os mandatários do nosso município gastam muito dinheiro publico em propaganda na imprensa local para promover esse evento, mas a real intenção é promover politicamente os caciques que se preparam para mais uma eleição com a desculpa esfarrapada de avisar a população para que se preparem para ter os seus problemas solucionados.
       O prefeito deveria combinar com seus comandados pra que esse tipo de evento saia ao menos de acordo com a lei vigente em nosso município, veja as fotos da área ambiental no bairro COHAB a onde a prefeitura realizou a limpeza do meio fio da Rua Fernando Taborda e depositou os resíduos em uma área de preservação ambiental, área essa que deveria ter sido limpa, pois nesse local esta se formando um lixão.



quinta-feira, 30 de junho de 2011

LIXO EM SANTO ÂNGELO RS.

ONDE ESTA A PREFEITURA????????
ONDE ESTA A POLICIA AMBIENTAL???????
ONDE ESTA O IBAMA ??????????????
ONDE ESTA O MINISTERIO PUBLICO??????????

quarta-feira, 29 de junho de 2011

DESPERDÍCIO DE ÁGUA.



      A PREFEITURA DE SANTO ÂNGELO RS FIRMOU CONTRATO COM A CORSAN NO DIA 16/09/2010, CONTRATO QUE DEFINE MULTA DE DEZ VEZES A TARIFA BÁSICA DO FORNECIMENTO DE ÁGUA CASO OCORRAM NO PRAZO DE 30 DIAS DOIS VAZAMENTOS DE ÁGUA EM VIA PUBLICA EM UMA DISTANCIA DE 200 METROS UM DO OUTRO.
“PENA QUE ISSO NÃO VEM ACONTECENDO”.
VEJAM O QUE ACONTECE NA RUA CEL. GUSTAVO CORDEIRO DE FARIAS CENTRO NORTE DA CIDADE:
EM MENOS DE 30 DIAS E A MENOS DE 30 METROS HAVERAM DOIS VAZAMENTOS EM VIA PUBLICA E SE A MEDIDA SE ESTENDER POR MAIS 100 METROS TEMOS MAIS UM BURACO EM VIA PUBLICA DERIVADO DE UM VAZAMENTO DE ÁGUA.
E ONDE ESTA A MULTA???????
E ONDE ESTÃO AS OBRAS DE MELHORIAS FIRMADAS EM CONTRATO PELA PREFEITURA E A CORSAN NO ANO PASSADO???????

FOTO: Eliseu Denilson Mousquer.

terça-feira, 21 de junho de 2011

REFLEXÃO


Na sala de reunião de uma multinacional o diretor nervoso fala com sua equipe de gestores. 

Agita as mãos, mostra gráficos e, olhando nos olhos de cada um ameaça: "ninguém é insubstituível" . 

A frase parece ecoar nas paredes da sala de reunião em meio ao silêncio. 
Os gestores se entreolham, alguns abaixam a cabeça. 
Ninguém ousa falar nada. 

De repente um braço se levanta e o diretor se prepara para triturar o atrevido: 
- Alguma pergunta? 
- Tenho sim. 
-E Beethoven ? 
- Como? - o encara o diretor confuso. 
- O senhor disse que ninguém é insubstituível e quem substituiu Beethoven? 
Silêncio..... 

O funcionário fala então: 
- Ouvi essa estória esses dias contada por um profissional que conheço e achei muito pertinente falar sobre isso. 

Afinal as empresas falam em descobrir talentos, reter talentos, mas, no fundo continuam achando que os profissionais são peças dentro a organização e que, quando sai um, é só encontrar outro para por no lugar. 

Quem substituiu Beethoven? Tom Jobim? Ayrton Senna? Ghandi? Frank Sinatra? Garrincha? Santos Dumont? Monteiro Lobato? Elvis Presley? Os Beatles? Jorge Amado? Pelé? Paul Newman? Tiger Woods? Albert Einstein? Picasso? Zico? etc... 
Todos esses talentos marcaram a história fazendo o que gostam e o que sabem fazer bem, ou seja, fizeram seu talento brilhar. E, portanto, são sim insubstituíveis. 
Cada ser humano tem sua contribuição a dar e seu talento direcionado para alguma coisa. 

Está na hora dos líderes das organizações reverem seus conceitos e começarem a pensar em como desenvolver o talento da sua equipe focando no brilho de seus pontos fortes e não utilizando energia em reparar seus 'erros/ deficiências' . 
Ninguém lembra e nem quer saber se Beethoven era surdo , se Picasso era instável , Caymmi preguiçoso , Kennedy egocêntrico, Elvis paranóico ... 

O que queremos é sentir o prazer produzido pelas sinfonias, obras de arte, discursos memoráveis e melodias inesquecíveis, resultado de seus talentos. 
Cabe aos líderes de sua organização mudar o olhar sobre a equipe e voltar seus esforços em descobrir os pontos fortes de cada membro. fazer brilhar o talento de cada um em prol do sucesso de seu projeto. 

Se seu gerente/coordenador , ainda está focado em 'melhorar as fraquezas' de sua equipe corre o risco de ser aquele tipo de líder/ técnico, que barraria Garrincha por ter as pernas tortas, Albert Einstein por ter notas baixas na escola, Beethoven por ser surdo. E na gestão dele o mundo teria perdido todos esses talentos. 

Seguindo este raciocínio, caso pudessem mudar o curso natural, os rios seriam retos não haveria montanha, nem lagoas nem cavernas, nem homens nem mulheres, nem sexo, nem chefes nem subordinados . . . apenas peças. 

Nunca me esqueço de quando o Zacarias dos Trapalhões 'foi pra outras moradas'. Ao iniciar o programa seguinte, o Dedé entrou em cena e falou mais ou menos assim: "Estamos todos muito tristes com a 'partida' de nosso irmão Zacarias... e hoje, para substituí-lo, chamamos:... . Ninguém ... pois nosso Zaca é insubstituível" 
Portanto nunca esqueça: Você é um talento único... com toda certeza ninguém te substituirá! 

"Sou um só, mas ainda assim sou um. Não posso fazer tudo..., mas posso fazer alguma coisa. Por não poder fazer tudo, não me recusarei a fazer o pouco que posso." 

"No mundo sempre existirão pessoas que vão te amar pelo que você é..., e outras, que vão te odiar pelo mesmo motivo, acostume-se a isso, com muita paz de espírito..." 

quarta-feira, 8 de junho de 2011

PRAÇA ABANDONADA.


É UMA VERGONHA O QUE O PODER PÚBLICO FAZ COM A PRAÇA CASTELO BRANCO, NA ZONA NORTE DE SANTO ÂNGELO RS, O ABANDONO É TOTAL, A PREFEITURA NÃO RESPEITA O DIREITO DAS CRIANÇAS, NÃO APENAS DE PODEREM BRINCAR, MAS DE TEREM O MÍNIMO DE SEGURANÇA E DE DIGNIDADE NO AMBIENTE PÚBLICO.
foto: Eliseu D Mousquer.

sexta-feira, 3 de junho de 2011

ITAQUARINCHIM



O DESCASO DA PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SANTO ÂNGELO COM O MEIO AMBIENTE É VERGONHOSO, VEJAM AS FOTOS DO BAIRRO HARMONIA PRÓXIMO A CASCATA DO RIO ITAQUARINCHIM.


foto: Eliseu D. Mousquer

quinta-feira, 2 de junho de 2011

LIXO

foto: Eliseu D. Mousquer

É UMA VERGONHA O DESCASO DO PODER PUBLICO MUNICIPAL DA CIDADE DE SANTO ÂNGELO RS COM O MEIO AMBIENTE, UM EXEMPLO CLARO DESSE DESCASO ESTA NA AV SALGADO FILHO PRÓXIMO AO ACESO DA RS 218 ONDE SE ACUMULA LIXO AS MARGENS DA ESTRADA, LIXO ESSE JOGADO POR SUJEITOS “CARA DE PAU” QUE NÃO SE VERGONHAM DE COMETER ESSE ATO CRIMINOSO.
ESPERO QUE A PREFEITURA TOME AS PROVIDENCIAS CABÍVEIS NO SENTIDO DE LIMPAR A ÁREA E COIBIR ESSA PRATICA.

FRIO


COM A CHEGADA DO FRIO A NEBLINA MUDA A PAISAGEM DA REGIÃO DAS MISSÕES E NOS PROPORCIONA BELOS MOMENTOS NO INICIO DO DIA.





foto: Eliseu D Mousquer.

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS

        A presente Declaração Universal dos Diretos Humanos como o ideal comum a ser atingido por todos os povos e todas as nações, com o objetivo de que cada indivíduo e cada órgão da sociedade, tendo sempre em mente esta Declaração, se esforce, através do ensino e da educação, por promover o respeito a esses direitos e liberdades, e, pela adoção de medidas progressivas de caráter nacional e internacional, por assegurar o seu reconhecimento e a sua observância universais e efetivos, tanto entre os povos dos próprios Estados-Membros, quanto entre os povos dos territórios sob sua jurisdição.   
Artigo I
        Todas as pessoas nascem livres e iguais em dignidade e direitos. São dotadas de razão  e consciência e devem agir em relação umas às outras com espírito de fraternidade.   

terça-feira, 31 de maio de 2011

VISITEM SANTO ÂNGELO RS.


AO VISITAR AS MISSÕES NÃO DEIXE DE CONFERIR AS OFERTAS DA AAPASA ASSOCIAÇÃO DOS ARTISTAS PLÁSTICOS E ARTESÕES DE SANTO ÂNGELO, LA VOCÊ ENCONTRA UMA DIVERSIDADE DE PRODUTOS ARTESANAIS COM EXCELENTES PREÇOS.




 PRAÇA LEONIDAS RIBAS NO CENTRO DA CAPITAL MISSIONEIRA.

ARTES E ARTESANATO

A ARTE LIBERTA A ALMA.